Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

LINHA MARCELO 24

por bolinando, em 09.01.19

O bebé da vizinha não o deixa dormir? O seu gatinho está preso numa árvore? A sua avó faz 100 anos mas não se lembra do lar onde a deixou? Sofre de disfunção eréctil? O seu míssil intercontinental não funciona? Não consegue bater claras em castelo? Gosta de ouvir a Marvi? Sente saudades do Bruno de Carvalho?

Não desespere! Dispa esse colete amarelo e ligue para a linha dos Afectos, uma linha de valor acrescentado já que o professor acrescenta valor a tudo em que se mete!

E se telefonar já, recebe ainda uma maravilhosa embalagem quase nova de Calcitrim aberta pelo Júlio Isidro e um bilhete para o concerto de António Carreira 15E da Carris.

Atendemos chamadas especiais de grupo para casamentos, baptizados e congressos partidários.

Me Liga, Vai...

linha marcelo24.jpg

r

PRESO POR TER CORNUCÓPIA E PRESO POR NÃO TER...

por bolinando, em 18.12.16

Imagem relacionada

 

Quando foi conhecida a notícia do encerramento do Teatro da Cornucópia, muitos criticaram de imediato o governo por pactuar com esta  "baixa" cultural e outros houve que logo sentenciaram que o Presidente Marcelo só se preocupou com a cultura quando dava notas a livros numa estação de TV.

Mas entretanto surgiu outra notícia dizendo que Marcelo se tinha interessado pelo caso e teria patrocinado uma reunião entre o Ministério da Cultura e a Cornucópia. Acto contínuo, começaram a chover as críticas ao Presidente, sugerindo que estaria a exceder as suas competências e a promover actuações de excepção que, segundo eles, perverteriam o "mercado" da cultura em Portugal.

Não é fácil ser prior numa freguesia destes! Se faz é porque faz, se não faz é porque não faz! 

Gosto muito de ser português, mas às vezes gostaria que algumas das nossas idiossincrasias fossem menos parolas.

Bem sei que estamos marcados por uma Presidência mumificada que, em dez anos, nada mais fez do que lançar umas episódicas e provincianas intrigas e umas recorrentes louvaminhas ao sistema bancário e aos seus amigos banqueiros, donos disto tudo. Enfim, cenas de síndromas vagais.

Mas (alguns) portugueses têm que aprender que é suposto os Presidentes da República fazerem coisas, umas melhores, outras piores, mas fazerem coisas.A anormalidade está na longa hibernação dos Tomases e dos Silvas e não na hiperactividade dos Soares ou dos Sousas. 

Não sei se a iniciativa de Marcelo vai dar algum fruto e nem sequer tenho a certeza de que seja "politicamente correcta". 

Mas sei que prefiro que a tenha tomado, a limitar-se a no próximo 10 de Junho condecorar com uma qualquer Ordem da Cultura a "título póstumo" a Cornucópia.

É que eu sou daqueles que prefiro ser preso por ter cão do que por não o ter, e prefiro ter um Presidente que erre por acção do que desmaie por omissão.

...

por bolinando, em 27.11.16

 O nosso presidente foi o último estadista do mundo a ser recebido por Fidel que apenas sobreviveu um mês a esta visita. Será que Marcelo aceita a sugestão de uma lista de dirigentes mundiais que elaborei para ele visitar durante o seu mandato? A Rainha de Inglaterra já anda preocupada... 

 sarcástico

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D