Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

C.I.A. SUBSTITUÍDA POR ELECTRODOMÉSTICOS?

por bolinando, em 14.03.17

Resultado de imagem para conway sitting

 

Finalmente percebeu-se a razão da Kellyanne Conway estar sentada na Sala Oval em tão estranha posição. Estava a "chocar" a sua última "ideia". O Tico e o Teco lá se encontraram, sinapsaram em posição de missionário, a ideia ganhou forma, foi chocada e viu a luz do dia.

Ficámos então a saber que, segundo Kellyanne, Obama teria espiado Trump através de um micro-ondas. Um micro-ondas na Sala Oval? Claro. Trump teve de deixar de fazer as pipocas (que come enquanto vê desenhos animados na FOX) na lareira da Sala Oval pois o ruído do milho a crepitar deixava os homens da segurança com os nervos em franja. E franjas na Casa (Muitíssimo) Branca, só a de Trump. E isso foi utilizado por Obama para oferecer a Trump um micro-ondas espião.

Mas Kellyanne estava atenta, e como conselheira bem versada em séries como o MacGiver e o inspector Gadget, cedo topou a marosca. 

Até porque também já tinha sido ela a detectar pulgas chipadas com microfones no tapete da Sala Oval, alegadamente deixadas pelo cão de água português de Obama.

Claro que Obama não agiu sozinho. Kellyanne tem provas de que foi Putin quem vendeu os electrodomésticos espiões a Obama. Aliás, tem mesmo uma foto onde Putin explica a Obama o funcionamento do forno eléctrico espião que este ofereceu a Melania antes de saber que os únicos pratos que ela confecciona são latas de atum.

Imagem relacionada

A verdade é que esta descoberta de Kellyanne veio pôr os lideres mundiais de sobreaviso. 

Merkl, por exemplo, percebeu agora que também ela foi espiada por uma torradeira eléctrica que Putin lhe ofereceu quando lhe pediu para o ensinar a confeccionar um frango assado à alemã.

Resultado de imagem para Putin kitchen

Mas Conway já tem medidas para propor no seguimento da sua descoberta. Por exemplo, vai propor que os agentes da CIA sejam substituídos por electrodomésticos e que o seu recrutamento passe a ser feito no Wallmart, condição para que Trump apoie essa medida.

A verdade é que esta notícia também tem consequências para o cidadão comum e não apenas nos EUA.

Nunca mais vou ser capaz de ter uma conversa sigilosa com alguém na presença da minha varinha-mágica. E nunca mais vou secar o cabelo com o secador antes de me vestir!

E alguém será capaz de sentir que é seguro falar ao telemóvel nas imediações de uma Bimby?

E as senhoras já tomaram consciência daquilo a que se expõem quando compram um "massajador facial"?

Este admirável mundo  novo está cada vez mais a ganhar contornos Orwellianos!

Um dia destes até os telemóveis têm câmaras!

 

KELLYANNE... NO WAY!

por bolinando, em 28.02.17

Kellyanne Conway, joelhos sofá sala oval

Kellyanne... rica... a tia acha que isso são maneiras de se sentar na Sala Oval?

Ah... é para o Donald não a grab by... OK, faz sentido...

E os sapatos não são da linha da Ivanka? Então já se percebe.

Está desculpada tia.

Vá lá inventar mais uns atentados e redigir mais umas leis contra imigrantes.

 

APROVEITE AS CAMPANHAS DE PROMOÇÃO DA CASA BRANCA!

por bolinando, em 09.02.17

Resultado de imagem para Kellyanne Conway

Esta pirua com ar de hospedeira das linhas aéreas da Coreia do Norte depois de atropelada por um camião de transporte de mísseis, é conselheira de Trump.

E deve ter um contrato daqueles de 60 horas, como gostariam alguns padeiros portugueses, porque, mesmo fora de horas, apareceu na cadeia Fox, em directo da Casa Trump Branca, num gabinete com o selo oficial da Casa Branca, a apelar a que os americanos fossem comprar os produtos vendidos pela filha do Presidente, a Ivanka (com este nome tem muita sorte por o pai a deixar entrar nos EUA). 

"Vão comprar os produtos da Ivanka. Detesto fazer compras, (mas) hoje vou fazê-las. É uma linha magnífica (de produtos). Eu própria tenho alguns. Vou fazer publicidade gratuita: vão todos comprá-los. Vocês podem encontrá-los online".

Assim, com o descaramento todo!

Só espero que os produtos em questão sejam estes penicos de cabeça vermelhos e estes dólmens de hussardo de Pyong-Yang! E espero que esgotem rapidamente!

Até porque já estou a ver a nova tendência da moda primavera-verão para espantalhos do mid-west!

Por aqui se vê como, para esta administração, etiqueta é apenas aquele quadradinho de tecido com o número da peça de roupa e as instruções de lavagem.

Imaginem o que seria se em Portugal um assessor do Presidente Marcelo viesse falar do Palácio de Belém, em directo, a aconselhar as pessoas a irem comprar "Farinha Amparo", ou "Calcitrine"!

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D