Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

REVIVALISMOS?

por bolinando, em 22.03.17

Tony de Matos foi um grande cantor romântico, marginalizado numa época em que se passou a ter vergonha de exteriorizar as afectividades. Hoje assiste-se a uma nova atitude. E ver novos artistas a revisitarem e reinventarem grandes temas como este, é muito gratificante.

Mas a história foi sempre esta... Só dois... E o mundo deixa de existir. E quando o amor acontece não pede licença ao mundo. Era assim nos tempos de Tony de Matos. Continua a ser assim nos tempos de Tiago Bettencourt. 

(Pessoalmente gosto mais da interpretação de Tony de Matos, talvez por ter povoado a minha infância).

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D