Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Blogaridades

À Bolina Pela Vida... Irónico contra os ventos surumbáticos, sério contra os ventos irresponsáveis, iconoclástico contra os ventos dogmáticos, e politicamente incorrecto sejam quais forem os ventos...

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

JOVENS, FAZEI-VOS "AU TROTTOIR"

por bolinando, em 18.12.16

 

A JS elegeu um  novo Secretário-Geral. Até aí nada de novo. Até nos cemitérios há exumações regulares. Pela mesma razão que, nos cemitérios de ética e ideias políticas que são as Jotas, sem excepção, há que a intervalos regulares proceder à inumação dos cadáveres dos lideres e trasladá-los para urnas de ossadas com destino ao panteão da AR, ou das autarquias, ou das concelhias, ou distritais.

O que há de novo neste caso, a crer na comunicação social (sim, porque eu com os meus 60 anos já só podia pertencer à entretanto extinta juventude do Partido Comunista Albanês), é que, num país onde a maioria dos jovens não consegue arranjar um emprego com um mínimo de estabilidade e dignidade, onde não conseguem frequentar o curso superior que querem e mesmo aquele que frequentam vivem sob a ameaça de terem de abandonar por escassez de meios financeiros, onde esses jovens não conseguem sequer abandonar a casa dos pais, quanto mais constituirem a sua própria família, onde a perspectiva mais atractiva que se lhes oferece é a emigração, ora a prioridade para o novo secretário-geral parece ser a da regulamentação da prostituição. Ou seja, depois de termos tido um primeiro-ministro que convidou os jovens a emigrar eis que surge um Jotinha que parece ter encontrado uma maneira inovadora de promover a fixação, ou mesmo o regresso dos jovens. 

Mas o que acho ainda mais preocupante no programa deste novo líder, de seu nome, Ivan Gonçalves, é que outra das suas preocupações prende-se com a captação de mais jovens para a política. Ora, se juntarmos A + B das propostas de Ivan "O Terrível", é impossível não pensar que o recrutamento podia articular-se com a outra prioridade. E aqui fica o cerne da minha preocupação.

E assim vai o Portugal dos Pequeninos.

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D